A rota do turismo religioso e a segurança dos comerciantes: Solange Moraes investiga a falta de fiscalização

Smirnova britovitzk
By Smirnova britovitzk 3 Min Read
Solange Moraes

No início da semana, a candidata a deputada federal por São Paulo e jornalista, Solange Moraes, visitou o Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, um dos principais pontos turísticos religiosos de São Paulo. Seu intuito era levantar uma pauta que complementa a questão turística da região do Vale do Paraíba: a segurança. 

A Catedral Basílica Santuário Nacional de Nossa Senhora da Conceição Aparecida é um templo religioso católico localizado no município brasileiro de Aparecida, interior de São Paulo. Nos finais de semana, o shopping dos romeiros, localizado no interior da basílica, recebe cerca de 100 mil visitantes, um número que, no parecer de Solange Moraes, colabora para fomentar o comércio da região.

No entanto, a ex-apresentadora do Falando Nisso, Solange Moraes, compreende que seu papel como candidata é enxergar além dos olhos externos de quem visita a região e, por isso, conta com relatos de comerciantes locais para questionar quais são os problemas enfrentados ali. Seu intuito é de dar voz a população e, a partir disso, levantar soluções que proporcionem condições melhores a todos e, por isso, disponibiliza seu número de Whatsapp  (12) 99608-4503 para escutar você!

Assim, Solange Moraes vai ao cerne do problema da região de Aparecida: a falta de segurança durante os momentos de pico de turismo. Infelizmente, os comerciantes do Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida enfrentam problemas com pessoas não credenciadas que, ao lado de fora, vendem souvenirs, como fitinhas e demais itens religiosos, por preços absurdos aos turistas. 

Não obstante, os romeiros não credenciados oferecem ainda bênçãos especiais para os turistas. Tudo isso, além de prejudicar o comércio local, prejudica ainda mais os turistas que são enganados pelos preços altos, enquanto o shopping oferece os mesmos produtos por um preço mais justo e honesto. 

Nesse sentido, Solange Moraes compreende que uma maior fiscalização do lado externo da basílica ajudaria a controlar esse inconveniente que, principalmente aos finais de semana, atrapalha o turismo legal e honesto da cidade, prejudicando moradores da região que trabalham arduamente para tirar seu sustento nesses períodos.  

Sendo assim, se você acredita que o turismo religioso no Vale do Paraíba também demanda uma maior atenção de fiscalização e segurança, vale a pena acompanhar a atuação da candidata a deputada federal pelo Partido Progressista (PP), Solange Moraes. Isso porque, trata-se de uma candidata que quer fazer o diferente pela sociedade e, por isso, sabe da importância de escutá-la. Saiba mais sobre o trabalho e propostas de Sol Moraes em seus canais:

Twitter: https://twitter.com/solangemoraesc

Share This Article
Leave a comment

Deixe um comentário